Uma operação para investigar a produção de material pornográfico envolvendo crianças e adolescentes para divulgação na deep web foi deflagrada pela Polícia Federal na manhã desta terça-feira (6).

Um mandado de busca foi cumprido em Rio Novo do Sul, no Sul do do Espírito Santo.

A Operação Barbárie começou depois que foram detectadas, em computadores de pedófilo residente na Europa e também em fóruns da deep web, fotografias contendo pornografia infantil com cenário indicando que haviam sido produzidas no Sul do Espírito Santo.

A partir da foto, a Polícia Federal conseguiu localizar a região específica da cidade onde as imagens haviam sido produzidas, e assim chegar à vítima e na identificação do suspeito.

Nesta terça, foi cumprido um mandado de busca que resultou na apreensão de mídias e equipamentos como discos rígidos, celulares e pen drives.

O conteúdo desses equipamentos vai ser extraído e submetido a análise. O objetivo é descobrir se outras crianças e adolescentes foram vítimas do suspeito e também identificar a produção e compartilhamento de material pornográfico.

Os crimes investigados são os de produção, venda, troca, divulgação e posse de material contendo cenas pornográficas envolvendo criança ou adolescente. As penas que podem chegar a oito anos de reclusão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui