Após quase um ano com os alunos distantes das Escolas Municipais, em razão da pandemia do novo coronavírus, nesta segunda-feira (01), o Município de Guarapari definiu o cronograma de retorno às aulas da Rede Municipal de Ensino. A decisão foi tomada logo pela manhã, em reunião extraordinária juntamente ao Comitê de Emergência em Saúde Pública – CESP, com respaldo no Decreto Estadual nº 4740-R, de 29 de setembro de 2020.

Em um primeiro momento, a Secretária de Educação apresentou ao Comitê todo o panorama de organização da Rede Escolar incluindo o detalhamento das ações realizadas e procedimentos para a organização deste momento de retorno. No horário da tarde, todo o cronograma foi explanado em reunião ocorrida no SESC com os Diretores Escolares.

Organização do ambiente Escolar

O preparo das Escolas se iniciou no ano passado e as últimas pendências estão sendo concluídas em fevereiro. A Secretaria da Educação adquiriu todos os insumos necessários e constantes nas principais Legislações, principalmente àqueles instituídos por meio da Portaria SESA/SEDU 01-R e da Portaria SESA/SEDU 02-R. Os materiais já se encontram nas Escolas em quantidade necessária e suficiente ao atendimento dos alunos e profissionais, tais como: álcool em gel, termômetro, tapete sanitizante, máscara de proteção facial, máscaras reutilizáveis (adulto e infantil), totem, dispenser, papel toalha, material de higiene e limpeza, material descartável, entre outros. Foram instalados os lavatórios em locais de maior fluxo de pessoas para constante higienização das mãos, conforme Diretrizes Gerais de Saúde.

Desde o mês de dezembro a Vigilância Sanitária iniciou a vistoria às Escolas Municipais, e nesta última semana intensificou as visitas para que até o início das aulas presenciais todas as Escolas estejam vistoriadas e aptas ao recebimento de seu público, com cumprimento dos protocolos sanitários de biossegurança.

Até dia 12/02 todas as Unidades de Ensino terão concluído os procedimentos de sinalização/demarcação, higienização e sanitização nas dependências das Escolas, limpeza e desinfecção dos equipamentos, em atendimento às regras de distanciamento e contenção da transmissão do vírus nos espaços físicos, seguindo os protocolos estabelecidos para a garantia de um ambiente seguro.

Caderno de Orientações

De forma a mantermos a prática adequada nesta nova rotina e nos protegermos contra a transmissão da COVID-19, a comunicação próxima e informações frequentes sobre as crianças são essenciais. Para estreitar essa relação com as famílias, serão entregues no início das atividades, cartilha aos profissionais e familiares contendo recomendações e orientações acerca das novas regras de segurança e higiene, bem como os cuidados a serem adotados no ambiente escolar. Os pais/responsáveis e a escola devem estar alinhados para o melhor acolhimento às crianças neste retorno presencial.

Proposta de Ensino no Modelo Híbrido

Será implementado em toda a Rede de Ensino o modelo híbrido de ensino-aprendizagem, ou seja, serão trabalhados os componentes curriculares de forma presencial, e na semana em que os alunos estiverem em casa, serão disponibilizadas as Atividades Não Presenciais para serem cumpridas neste período.  
 
Cronograma de Retorno às Aulas

O retorno às aulas presenciais está vinculado ao mapa de risco do Município e será gradativo, por revezamento e em etapas, devendo seguir o seguinte cronograma:

18/02/2021 e 19/02/2021 – Comparecimento dos profissionais nas Unidades Escolares para acolhimento e Reunião Geral.
22/02 a 26/02 – Planejamento das aulas em formato do Ensino Híbrido e Formação/orientação dos profissionais.
01/03/2021 – Retorno das aulas presenciais para o Ensino Fundamental II (6º ao 9º ano) e Ensino Fundamental I (3º, 4º e 5º anos) e para Educação de Jovens e Adultos (EJA), em revezamento semanal, média de presença de 50% dos alunos, em respeito ao distanciamento necessário.
08/03/2021 – Retorno às aulas presenciais Ensino Fundamental I (1º e 2º anos) e para a Pré-Escola (04 e 05 anos de idade) em revezamento semanal, média de presença de 50% dos alunos, em respeito ao distanciamento necessário.
15/03/2021 – Possível retorno dos alunos de 0 a 03 anos. (A SEMED avaliará as possibilidades para o retorno dos pequenos, mediante experiência com os maiores)

Presença Facultativa

Segundo informações da Secretaria da Educação a presença do aluno na Escola, será facultativa, ou seja, as famílias (pais ou responsáveis) decidirão se a criança irá, ou não, frequentar a Escola/sala de aula presencialmente. Caso opte por manter a criança em casa, serão disponibilizadas as Atividades não presenciais, sendo realizado o monitoramento para garantia do acesso às atividades não presenciais e realização das mesmas.

“Sabemos que a volta às aulas presenciais, em um cenário atípico como este, exigirá uma readaptação à nova realidade escolar. As mudanças não têm relação apenas com a contenção da pandemia e segurança com a saúde, mas também devem considerar o acolhimento dos profissionais e alunos que passaram muito tempo afastados das Escolas”, finalizou a Secretária Municipal de Educação, Sônia Meriguete. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui